bannerbg-01.jpg
 
PROPOSTAS

HONRAR SEU VOTO COM ÉTICA, CORREÇÃO,
COMPROMISSO E TRABALHO

FOMENTAR A ARTE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 

DEFINIR ACÕES PARA APOIAR PROFISSIONAIS DE FISIO, FONO E TERAPEUTAS OCUPACIONAIS

DEBATER DE FORMA CONSTANTE COM A
POPULAÇÃO A CONDUÇÃO DO MANDATO

FISCALIZAR OBRAS PÚBLICAS PARA QUE RESPEITEM A LEGISLAÇÃO DE ACESSIBILIDADE

ELABORAR PROJETO DE FUNDO ESPECÍFICO DE INCENTIVO AO ESPORTE DE ALTO RENDIMENTO

DESENVOLVER A PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICA E DOS ESPORTES PARALÍMPICOS 

LUTAR PELA CONSTRUÇÃO E MELHORIA DE
LOCAIS PARA PRÁTICA DE ESPORTE EM ESCOLAS

QUALIFICAR ESPAÇOS TURÍSTICOS DE PETRÓPOLIS COM GRAU DE CESSIBILIDADE

LEGISLAR PELA VALORIZAÇÃO DE PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

PROPOR A CRIAÇÃO DE UM CENTRO DE REABILITAÇÃO PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

CRIAR PROJETO LEI DE INCENTIVO AO
TURISTA COM DEFICIÊNCIA 

index-oqfiz.jpg
O QUE FIZ
Intérprete de Libras
CRPD
oquefiz (5)
oquefiz (4)
oquefiz (3)
oquefiz (2)
oquefiz (1)
LINHA DO TEMPO
 
 
bannerbg2-02.jpg
PERFIL

Atuando no esporte desde os 15 anos, Georgette Vidor possui uma coleção de títulos e experiências profissionais que lhe garantiram grande reconhecimento nacional e internacional como treinadora e que destacam seu nome na história da ginástica artística no Brasil. Além do esporte, se dedica, há 14 anos, à vida política, tendo sido deputada estadual do Rio de Janeiro, de 2002 a 2005, e secretária municipal da pessoa com deficiência, de 2011 a 2016. Cadeirante desde 1997, vítima de um acidente, passou a atentar-se às questões relacionadas à pessoa com deficiência e ao paradesporto. Sua vida pessoal, profissional e política é pautada na transformação e na inclusão através do esporte.

 

Por onde passa, Georgette Vidor se destaca por seu olhar apurado, dedicação e profissionalismo. No esporte, revelou nomes como Luísa Parente, Daniele Hypólito e Flávia Saraiva. Na política, criou a Comissão Permanente em Defesa das Pessoas com Deficiência em Assembleias Legislativas Estaduais do Brasil e implementou um novo modelo de gestão na secretaria municipal da pessoa com deficiência baseado em três pilares considerados fundamentais para a boa prestação do serviço público: organização, comprometimento e qualificação profissional. Reconhecida por seu estilo rígido na busca pela perfeição, renovou a secretaria e trouxe para o Executivo uma maneira de gerir baseada em modernos ambientes corporativos.

CONHEÇA GEORGETTE NA REDE
  • face
  • insta
 

1/1